Make your own free website on Tripod.com

 


 

  Deus nos salve São Lázaro nobre
Pela vossa grande uesa
A riqueza não nos cobre
Sois o cimo da pobreza
  A vossa história não é fábula
Está no nosso testamento
Jesus fez a parábola
De Lázaro e do rico avarento
  À porta do rico avarento
Jarsia Lázaro mendigo
Ao frio à agua e ao vento
Debaixo de todo o perigo
  O rico passa as vazas
Do dia sempre a comer
E São Lázaro cheio de chagas
Era só chorar e sofrer
  Sois tão coberto de chagas
Para sofrer e penar
O mundo com tantas pragas
Nunca se pode salvar
  A vossa alma no gozo eterno
Está no céu de Abraão
E o rico lá no inferno
Por não vos ter dado o pão
  O rico com tanta magoa
Pede a Lázaro para o melhorar
A ponta do dedo em agua
Para a língua para refrescar
  Disse Abraão ao avarento
O teu castigo é eterno
Pelo teu procedimento
Estás sempre no inferno

 

  Saida de Santo António
Salva a Santo António
Entrada em Santo António
Salva Santa Cruz
Salva a São Jorge
Salva a São José
Salva a São Lazaro
Salva a São M iguel
Salvé Rainha do Rosário
Salvé a Nossa Senhora
Bendito Pecador
Salva a Santa Barbara
Salva a Sant' Ana
Salva a São Sebastião
Salva do Espírito Santo
Salva ao Senhor dos Passos
Virgem Dolorosa
De Vós Me Aparto Mãe
Salva ao Salvador do Mundo
Salvé Santo António de Lisboa
Santo António Rogai por Nós
Santo António Viveste o Evangelho
Oração Antes de Comer
Oração Depois de Comer